Cachaça não é água não!

007.png

É sabido que a festa mais popular do Brasil estimula os foliões a apreciarem os mais diversos tipos de alimentos, como uma boa cachaça e os petiscos dos food-trucks. No meio dessa farra, é comum, também, se exercitar além do habitual, com as longas caminhadas atrás do trio elétrico e as danças que se estendem até o sol raiar.

Por essa razão, a desidratação pode aparecer, já que a intensa prática de atividades físicas e a alimentação inadequada levam a uma produção maior de suor e a um gasto mais intenso de fluidos corporais. Com isso, o corpo passa a reclamar, exibindo sintomas como dores de cabeça, tontura, fraqueza, cãibras e ressecamentos na pele e lábios.

Para contornar esses problemas e aproveitar a folia sem se preocupar com a saúde, vale lembrar da famosa marchinha:

Você pensa que cachaça é água?
Cachaça não é água não!
Cachaça vem do alambique
E água vem do ribeirão.

De acordo com o Ministério da Saúde¹, o cuidado precisa acontecer antes, durante e depois da folia, mantendo-se sempre bem hidratado. Você pode tomar água, sucos, água de coco, chás gelados e comer frutas para manter-se com a hidratação em dia, além de se alimentar com carnes magras, como filé de frango, de peixe ou peito de peru. É importante evitar frituras e alimentos ricos em gorduras, pois podem agravar situações de desidratação.

Quer uma dica pra não se esquecer da água? Carregue sempre uma garrafinha de água com você! Assim, a cada dose de Morro Vermelho que você ingerir, basta tomar a metade da garrafinha de água!

Gostou? Compartilhe com seus amigos e tenha um carnaval sensacional!

Referências:
¹ Biblioteca Virtual em Saúde do Ministério da Saúde, http://bvsms.saude.gov.br/bvs/dicas/225_carnaval.html